quarta-feira, setembro 01, 2004

Pastéis

The image “http://www.fl.ul.pt/eventos/LALisbonMeeting/pastel1.jpg” cannot be displayed, because it contains errors.

Os pastéis de belém começam a invadir o mundo. A cadeia de comida rápida arabe Habib's está a ter um enorme sucesso no Brasil com a venda desta especialidade da gastronomia portuguesa. Para mim não é novidade, há muito que defendo que a gastronomia é uma das fatias mais importantes da nossa cultura suculenta. Juntámos os sabores mediterrânicos aos sabores africanos e sobretudo aos condimentos indianos para construirmos pratos únicos no mundo. Quando viajamos poucas vezes encontramos um país onde se coma tão bem, por vezes chega a ser um suplício. O regresso a casa só está completo quando se colocam as pernas debaixo da mesa. E se o nosso país criasse uma cadeia mundial de slow-food? Leitão da Bairrada, sardinhas, bacalhau, rojões, arroz de cabidela ou cozido à portuguesa teriam um sucesso superior ao do hamburger.
Saindo um pouco da ironia, se a política turística portuguesa fosse mais virada para a gastronomia, se calhar teríamos mais sucesso, porque praia e monumentos há aos pontapés pelo mundo inteiro.

2 espinhos:

Blogger joana pellerano disse...

Boa idéia. No Brasil temos também uns pratos que precisam de mais tempo para apreciação: feijoada, churrasco... Mais tempo nos levaria pra mais longe dos mchamburgueres da vida...

www.apetite.blogspot.com

8:54 da tarde  
Blogger MT disse...

Em Portugal apreciamos imenso a comida brasileira. Talvez porque os sabores também têm um pouco de nós. Se vier ao nosso país saboreie a nossa cultura.

1:28 da manhã  

Enviar um comentário

<< Atrás