domingo, maio 15, 2005

Nivelamento











Nas duas maiores câmaras do país estamos perante eleições autárquicas muito equilibradas. No entanto, de Lisboa para o Porto o panorama é contrastante. Em Lisboa existem óptimos candidatos e assistir-se-á a uma campanha pela positiva. Carmona Rodrigues, Manuel Maria Carrilho, José Sá Fernandes e Ruben de Carvalho seriam sempre boas escolhas para a capital (embora não simpatize muito com a vaidade do socialista). Trezentos quilómetros a norte o nivelamento acontece por baixo, ainda não estão escolhidos todos os candidatos e os que se perfilam não merecem a credibilidade. Qualquer um dos candidatos de Lisboa seria muito melhor do que o futuro presidente da câmara portuense. Rui Rio conseguiu fazer tanto pela cidade do Porto em 4 anos como Fernandez fez pelo maior clube da cidade em meia dúzia de meses. A debandada geral continua e só faltam chegar os brasileiros em contentores. Francisco Assis é venerado em Felgueiras e um Narciso em potência. Aquele típico militante que vem das jotas e que vai crescendo ao longo do partido apenas pelo dom da palavra (?) e não por inteligência ou capacidade de trabalho. Rui Sá é cúmplice de Rui Rio na letargia ambiental da câmara e do BE não se prevê nada mais do que João Teixeira Lopes. Mais quatro anos a andar para trás. Começámos na Porto 2001 e só iremos parar em 2009, na melhor das hipóteses.

3 espinhos:

Blogger mfc disse...

O Porto, por mais que não queiras ver, é muito mais clientelar que Lisboa.
Nada no Porto se faz sem o recurso à cunha... é por isso que apesar de nortenho prefiro o espírito aberto dos de lá de baixo!

12:59 da tarde  
Blogger MT disse...

Eu acho que nada no país se faz sem o recurso à cunha. Agora as pessoas mais competentes são atraídas pelo monocefalismo lisboeta, e portanto... Restam-nos os Rios e os Assis

1:23 da tarde  
Blogger gabi disse...

Não acho que estejas a ser justo com o Assis, é verdade que não é o candidato que todos esperávamos, mas parece ser um homem de bem que só nisso constrata em muito com quem lá está agora. E não é incompetente, antes pelo contrário. Oque falta ao Assis é atitude.
Achas que em Lisboa os candidatos são de melhor nível porque são pessoas das distritais do sul: não querias certamente que viesse para o Porto um Lisboeta que não conhece a cidade, na vez de uma pessoa residente no Norte. Eu não acho que o Carrilho seja assim tão melhor que o Assis...
Também não vou votar no meu candidato de eleição (mais uma vez) porque o mesmo ficou impedido de se candidatar em condições pouco claras (...).
Seja como for espero que o Rio vá embora de vez, porque a cidade do Porto já passou que chegasse..

10:50 da manhã  

Enviar um comentário

<< Atrás